NOSSA HISTÓRIA

Papelaria Personalizada minha historia

IllustreArte é a realização de um sonho, vivido por um casal que é apaixonado pelo que faz, e que tem um objetivo em comum: transmitir o amor que temos pelo nosso trabalho e ajudar as pessoas a se realizarem fazendo aquilo que gostam.

 

QUEM SOU

Sou Ingrid Carvalho, mãe de 3, esposa, fundadora da IllustreArte, apaixonada por Papelaria Personalizada desde criança, só não imaginei que isso se tornaria minha profissão. Sou uma mulher determinada e não desisto dos meus sonhos, desde pequena sonhei em ter minha empresa, e com o nascimento dos meus filhos, pude realizar o sonho de trabalhar em casa e poder ficar pertinho deles o tempo todo.

 

Sou totalmente contra deixar as crianças em uma escola em tempo integral, por melhor que seja a escola ela não educa, isso cabe aos pais, hoje em dia cada vez mais as mulheres estão saindo para trabalhar fora e cada vez mais os filhos estão se perdendo, embora ninguém relacione esses fatos.

 

Hoje meus filhos, Iasminn (10 anos), Matteo (7 anos) e Samuel (1 ano), se aventuram em meio a tantos papéis e fitas, me ajudam na criação de cada projeto novo, opinam, dão ideias, inspiram novos personagens e temas, fazem parte do meu negócio totalmente.

 

 

COMO COMECEI

         Antes de chegar até aqui iniciei vários outros negócios: biscuit, feltro, e.v.a, costura, ponto cruz, pintura em tecido, pintura em madeira, decoupagem, crochê, tricot, vendi cosméticos, e mais alguns que eu nem lembro, mas não me sentia realizada em nenhum deles.

 

Eu desanimava por não saber administrar, por não investir em conhecimento, e principalmente não saber como começar e manter um negócio rentável.

 

Esse foi o erro que cometi em todos os negócios que comecei, não fazer por amor e não me especializar na área, a maioria de nós pensa somente no dinheiro, e por consequência se você não está feliz fazendo o que gosta não será reconhecido por isso. E muito menos terá o retorno desejado.

 

Gosto de sempre lembrar como eu comecei, e sou muito grata a Deus pelo que fez por mim. Quando eu comecei, meu computador ficava em cima de uma comoda no meu quarto.

 

Não fazia lembrancinhas impressas pois não tinha as ferramentas e nem podia comprar. Então fazia os kits para imprimir, onde o cliente é que fazia a impressão.

 

Trabalhei durante um tempo fazendo cartão de visita, tags, layout para blogs, mascotes e identidade visual em geral. E o dinheiro que recebia, usava parte para ajudar em casa e outra parte eu investia no meu negócio.

 

Depois de mais ou menos um ano trabalhando assim, comprei um notebook e me mudei para o sofá por ser mais confortável. Seis meses depois comprei uma cadeira giratória e meu marido comprou umas madeiras para fazer minha mesa de trabalho, já que minha sala era muito pequena, tinha que ser sob medida.

 

Logo comprei uma impressora a laser, ferramentas de corte mais simples e comecei a trabalhar com impressos. E depois de mais ou menos um ano comprei minha tão sonhada Silhouette Cameo (naquela época, ainda não tinha a Portrait).

 

No negócio de lembrancinhas e personalizados você tem muitas opções e não adianta querer sair por ai jogando pra todo lado, porque não vai dar certo. Tem que focar naquilo que decidiu fazer, e se tornar especialista nisso. Tem que trabalhar com o coração, encantar em cada detalhe.

 

Porque alguns se dão bem e outros não? por sorte? pelo acaso?
não! Por se preparar para o negócio, por levar o negócio a sério.

Muitos alunos me perguntam quanto dá pra ganhar com a Papelaria, a resposta é bem simples e serve para qualquer negócio que você abrir:

” O sucesso ou o fracasso do seu negócio, depende inteiramente de VOCÊ”

 

Conheço pessoas com empresa de Papelaria Personalizada e vários funcionários e conheço pessoas que não vendem 500,00 por mês, qual a diferença dessas pessoas? A resposta eu citei logo acima e vou repetir:

 

“não fazer por amor e não se especializar na área, a maioria de nós pensa  somente no dinheiro, e por consequência se você não está feliz fazendo o que gosta não será reconhecido por isso”

 

 

MEU MARIDO

            Peterson Carvalho, super pai, super marido, é meu grande incentivador, me apoiou em todas as minhas decisões e em todas as minhas derrotas. Sempre que eu desistia de um negócio e chegava pra ele contando que tinha outro em mente, ele me apoiava e não se importava com o dinheiro perdido, mesmo que fosse pouco nosso dinheiro ele se esforçava para investir em mim novamente, ele sempre quis que eu fizesse aquilo que gostava, e sempre quis que eu ficasse em casa com nossos filhos.

 

Ele está sempre pronto para novas aventuras, com sua calma e tranquilidade ele traz estabilidade para o nosso negócio, ele está sempre em busca de melhorias, está sempre lendo e buscando conhecimento, não se cansa de aprender. Ele me completa em todos os sentidos.

Com carinho,
Ingrid e Peterson Carvalho

” O sonho mais ousado que você tiver, será pequeno comparado ao que Deus tem para você”